VISUALIZAÇÕES

CIADEPAR/SUL S.J.P. Convenção Interdenominacional

CIADEPAR/SUL S.J.P. Convenção Interdenominacional
ENTRE EM CONTATO E ESTAREMOS LHES APRESENTANDO NOSSA CONVENÇÃO

AGENDAS ABERTAS

AGENDAS ABERTAS
Criação e Produção de todo material necessário para você, sua empresa ou comércio.

FAZENDO A OBRA DE DEUS

FAZENDO A OBRA DE DEUS
PUERTO IGUAZÚ - ARGENTINA

sexta-feira, 29 de junho de 2012

Como fazer um jejum bem aceito ao Nosso Senhor? 29/06/2012

_A pedido de alguns amados irmãos venho colocar para todos o seguinte questionamento que me foi feito.

 

Boa tarde! Srº Marcelo a PAZ DO SENHOR 

 Como fazer um jejum bem aceito ao Nosso Senhor? 

Executai juízo verdadeiro, mostrai bondade e compaixão cada um para com o seu irmão. (Zac. 7-9)

_Recentemente, tendo eu firmado uma  consagração de jejum, logo no ínicio, senti-me fortemente impelida pelo Esp.
_Santo, a buscar dentro de mim os reais motivos que me tornaram decidida jejuar naquele dia, pois por algum momento pensei que caso aquele propósito não fosse sincero, espiritual e agradável ao Senhor, eu seria no mínimo hipócrita, e apenas estaria enganando a mim mesma.
_Não era o que eu queria… determinei  então, não somente passar fome sucumbindo as necessidades do físico, mas entrar no Santo dos Santos pelo novo e vivo caminho.

“Tendo, pois, irmãos, ousadia para entrar no santuário, pelo sangue de Jesus, Pelo novo e vivo caminho que ele nos consagrou, pelo véu, isto é, pela sua carne, E tendo um grande sacerdote sobre a casa de Deus, Cheguemo-nos com verdadeiro coração, em inteira certeza de fé, tendo os corações purificados da má consciência, e o corpo lavado com água limpa, Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu. ” (Hebreus 10:19 ao 23)

_Por isso, plantei os joelhos no chão e fui escavar todos os meios através da palavra de Deus, para entender qual é o verdadeiro jejum que agrada nosso amoroso Pai, aprendi muito… aí está tudo que encontrei para compartilhar com os irmãos.
_Que o Senhor abençoe ricamente cada um!
_Livro do profeta Isaías 58.1-12: Clama em alta voz, não te detenhas, levanta a voz como a trombeta e anuncia ao meu povo a sua transgressão e à casa de Jacó, os seus pecados.
_Por que jejuamos nós, e tu não atentas para isso?
_Por que afligimos a nossa alma, e tu o não sabes?
_Eis que, no dia em que jejuais, achais o vosso próprio contentamento e requereis todo o vosso trabalho.
_Eis que, para contendas e debates, jejuais e para dardes punhadas impiamente; não jejueis como hoje, para fazer ouvir a vossa voz no alto.
_Porventura, não é este o jejum que escolhi: que soltes as ligaduras da impiedade, que desfaças as ataduras do jugo, e que deixes livre os quebrantados, e que despedaces todo o jugo?
_Porventura, não é também que repartas o teu pão com o faminto e recolhas em casa os pobres desterrados?
_E, vendo o nu, o cubras e não te escondas daquele que é da tua carne?
_Então, romperá a tua luz como a alva, e a tua cura apressadamente brotará, e a tua justiça irá adiante da tua face, e a glória do Senhor será a tua retaguarda. Então, clamarás, e o Senhor te responderá; gritarás, e ele dirá: Eis-me aqui; acontecerá isso se tirares do meio de ti o jugo, o estender do dedo e o falar vaidade; e, se abrires a tua alma ao faminto e fartares a alma aflita, então, a tua luz nascerá nas trevas, e a tua escuridão será como o meio-dia.
_E o Senhor te guiará continuamente, e fartará a tua alma em lugares secos, e fortificará teus ossos; e serás como um jardim regado e como um manancial cujas águas nunca faltam.
_Num curioso trecho bíblico, Jesus e seus discípulos passavam num sábado próximo a sinagoga, comendo e os doutores da lei olharam pra ele e disseram, não vês tu, que teus discípulos fazem o que não é lícito? (Pobres homens quando pensaram que poderiam ultrajar nosso Salvador!)
_Ele majestosamente respondeu: “Mas, se vós soubésseis o que significa: Misericórdia quero, e não sacrifício…” (Mateus 12:7) 
_Ou seja, aquele povo sabia, jejuar, sabia guardar o sábado e cumprir “todas” as leis, mas não sabiam o significado de misericórdia!
_Em Oséias 6:6  está escrito: “Porque eu quero a misericórdia, e não o sacrifício; e o conhecimento de Deus, mais do que os holocaustos.”
_O povo daquela época era rigoroso quanto o cumprimento das leis, mas não tinham o menor conhecimento da vontade de Deus.
_Quanta ironia, não é mesmo? e quanto a nós? será que nos encaixamos neste contexto?
_Jeremias 14:11 e 12 “Disse-me mais o SENHOR: Não rogues por este povo para seu bem. Quando jejuarem, não ouvirei o seu clamor, e quando oferecerem holocaustos e ofertas de alimentos, não me agradarei deles; antes eu os consumirei pela espada, e pela fome e pela peste.”
_Isaías 29:13 “Porque o Senhor disse: Pois que este povo se aproxima de mim, e com a sua boca, e com os seus lábios me honra, mas o seu coração se afasta para longe de mim e o seu temor para comigo consiste só em mandamentos de homens, em que foi instruído.”
_Oséias 11:07 “Porque o meu povo é inclinado a desviar-se de mim; ainda que chamam ao Altíssimo, nenhum deles o exalta.”
_Dale espada! Oh glória! Interessante também no Êxodo, depois de tantas vezes terem sidos visitados por Deus em milagres e livramentos, o povo insistia em praguejar e levantar contendas, ainda que dos rituais da lei mosaica não abriam mão!
_Foi quando Arão pelo Espírito sentindo a indignação de Deus, exclamou: “Não se ascenda a ira do meu Senhor, tu sabes que este povo é inclinado para o mal” Êxodo 32:22
_Jeremias 29:11 “Porque eu bem sei os pensamentos que tenho a vosso respeito, diz o SENHOR; pensamentos de paz, e não de mal, para vos dar o fim que esperais. Então me invocareis, e ireis, e orareis a mim, e eu vos ouvirei. E buscar-me-eis, e me achareis, quando me buscardes com todo o vosso coração.”
_2Crônicas 7:14 e 15 ” E se o meu povo, que se chama pelo meu nome, se humilhar, e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, e perdoarei os seus pecados, e sararei a sua terra. Agora estarão abertos os meus olhos e atentos os meus ouvidos à oração deste lugar.”
_Perceba que o Senhor sempre estará disposto ajudar seu povo em qualquer que seja a situação, mas é inconcebível aos olhos de Deus, a falsidade, a hipocresia e a religiosidade.
_Por isso importa que sejamos verdadeiros quer seja em consagração, quer seja em oração, porque diante Dele, nossa alma estará eternamente nua!
_Esteja Nele, em Cristo Jesus!

Algumas práticas do Jejum:
Tópicos retirados do livro de Arthur Wallis: “O JEJUM ESCOLHIDO POR DEUS”.

PARA SANTIFICAÇÃO INDIVIDUAL – Salmo 35.13; 69.10
Por trás dos pecados que nos dominam, dos fracassos pessoais, por trás dos muitos males que afetam a igreja e obstruem os canais da bênção de Deus, os choques de personalidade, temperamentos, por trás de tudo isto se encontra o orgulho do coração do homem. O jejum é um corretivo divino que prepara a terra, quebra o orgulho, disciplina o corpo e humilha a alma.

PARA QUE DEUS NOS OUÇA – Esdras 8.21-23; Neemias 9.1-3
O jejum dá asas à oração; dá poder nas petições (Jeremias 29.13,14; Joel 2.12). A oração é guerra contra as forças opositoras. O homem que ora com jejum testifica aos céus que quer aquilo que busca.

PARA FAZER COM QUE DEUS MUDE A DIREÇÃO DAS COISAS – Jonas 3.4,10; 1 Reis 21.27
Aqui uma cidade prevaleceu com Deus pelo jejum e oração. Deus enviou Jonas a Nínive para estender sua misericórdia aos ninivitas.

PARA DERROTAR O OPOSITOR– Isaías 49.24-25; Mat. 12.29; Lucas 11.21-23
Há casos de necessidade ao nosso redor. O Senhor quer que tenhamos a autoridade de enfrentar as forças malígnas ao nosso redor. “Em meu nome expelirão demônios” (Mateus 17.21; Marcos 16.7).

PARA RECEBER REVELAÇÃO – Daniel 9.2,3,21,22
Daniel treinou-se desde cedo em sua alimentação (Daniel 1.8,11-16; 9.2,3). O Novo Testamento relata casos de jejum: Pedro (Atos 10.10); Paulo (Atos 27.21-24; 2 Coríntios 11.27). Paulo jejuava com freqüência e o capítulo seguinte fala de suas revelações.
Nada nas Escrituras indica que devemos buscar sonhos e revelações; quando buscamos a Deus, podemos encontrá-las. Necessitamos constantemente da revelação de Deus para nossas vidas.


PARA SUBJUGAR O CORPO – 1 Coríntios 9.27; Êxodo 16.3
Deus nos deu o corpo e certos instintos básicos que incluem os apetites do corpo, mas requer que tenhamos o físico submisso ao espiritual.
O cristão tem que saber distinguir a linha entre satisfazer os desejos normais do corpo e as demandas do espírito.
Paulo insistia em disciplinar o corpo para não “satisfazer os desejos da carne” (Romanos 13.14). “Revestir-se do Senhor Jesus”.


O JEJUM E O CORPO – 1 Coríntios 6.13,19,20
Um corpo normal, saudável e bem alimentado pode resistir por várias semanas sem ser prejudicado. O corpo vive de excesso de gorduras e somente depois de muito tempo é que começa a consumir as células vivas, entrando em estado de inanição.
O jejum ajuda o corpo a purificar-se.


PARA SAÚDE E CURA – Isaías 58.8; 3 João 2
A promessa de cura está incluída no jejum escolhido por Deus.
Deve-se ter certeza da vontade de Deus ao se fazer um jejum prolongado.
O jejum é para Deus somente, que nos vê em secreto.

A motivação dele nunca será para nossas ambições pessoais mas para a glória do Senhor
Que o Senhor nos abençoe quando jejuarmos!

A CONTINUAÇÃO DESTE ESTUDO FOI POSTADA  COMO CONTINUAÇÃO DO ESTUDO SOBRE JEJUM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Faça aqui seu comentário sobre o conteúdo desta mensagem